Cambará-roxo

Nome cientifico: Lantana lilacina

Sinonímia: Cambará-rosa, cambará-roseo.
Milho-de-grilo, lantaninha

Composição Química:

Observou-se, em estudo preliminar, que o extrato metanólico das folhas de L. lilacina, coletadas no município de Lavras (MG, Brasil), apresentava atividade antibacteriana. Em decorrência, buscou-se purificar e identificar a substância responsável por tal efeito, através de fracionamento do referido extrato direcionado por testes de difusão em agar com Aeromonas hydrophila, Bacillus subtilis, Pseudomonas aeruginosa e Staphylococcus aureus. Após partições com solventes e vários processos cromatográficos, isolou-se o [β-3,4-diidroxifenil)etil]-(3-O-α-L-ramnopiranosil)-(4- O-cafeoil)-β-D-glicopiranosídeo, que é conhecido como acteosídeo. A concentração inibitória mínima e a concentração bactericida mínima desta substância para A. hydrophila, B. subtilis, P. aeruginosa e S. aureus foram de 0,12, 1,00, 1,00 e 0,25 mg/mL, respectivamente.(AU)
Fonte:www.bases.bireme.br


Dados para Cultivo

Propagação: sementes, mudas

Espaçamento: ormental para jardins e parques

Época de Plantio: prim-ver (água e calor)- ornamental

Época Colheita: folhas, ciclo vegetativo; flores, primavera


Informações Gerais

Contra Indicações:

A lantanina pode produzir fotossensibilização para o gado. Os frutos não podem ser consumidos enquanto verdes pois são altamente tóxicos. Fotossensibilizante e hepatotóxico em doses moderadas (Dr. Ferro). Ver cambará-de-espinho.


Uso Medicinal

Uso Principal:

Uso interno, folhas e flores frescas, infuso: afecções das vias respiratórias (tosses, bronquites, resfriados, catarro, rouquidão, asma, coqueluche); estados febris. Trabalhos tem indicado atividade na [ver antibacteriana ver dados em COMPOSIÇÃO QUÍMICA]

Uso Normal:

Uso externo:  respiratóreumatismo, contusões, esfoladuras, dores nas juntas, dores musculares.

Utilização: medicinal, nas infecções das vias respiratórias e bronquites (Rodrigues e Carvalho 2001); potencial ornamental.

Características:

Família: Verbenaceae
Nome científico: Lantana aff. lilacina Desf.
Nome popular: Milho-de-grilo, lantaninha.
Porte: erva/subarbusto
Tipo de folha: simples
Filotaxia: oposta
Látex: não.
Espinhos/acúleos: não.
Gavinhas: não.
Fitofisionomias em que ocorre: cerrado sentido restrito.
Rodrigues, V.E.G. e Carvalho, D.A.de. 2001. Plantas medicinais nos domínios dos cerrados. Ed. Lavras.

Foto:

Foto 2:

Foto 3:

Foto 4: