Transtorno do Medo [Fobias] g*

Plantas Relacionadas na Literatura : Lobeira +, .
Sintomas e Causas : Uma fobia é um medo irracional ou exagerado de objetos, situações ou funções corpóreas que podem não representar perigo real, mas que pode desplotar sintomas reais como por exemplo de dor de estômago, náuseas ou diarreia, entre outros. Quando a fobia é muito intensa e interfere na atividade do cotidiano, pode ser justificável o encaminhamento a um psicólogo ou a um psiquiatra. Algumas pessoas parecem recuperar-se da fobia, voltando a apresentá-la após uma doença real. O medo é uma sensação normal que afeta todos os seres vivos e serve para a sua proteção. Mas ele pode transformar-se num grave problema quando limita seu comportamento, suas atitudes e provoca um estado de ansiedade exagerado. Para vencer o medo faça o seguinte: Mude a sua forma de pensar, seja mais flexível, Analise bem a situação que te provoca medo e tente entender de onde vem esse receio, entender o que causa o medo excessivo é fundamental para vencê-lo, Identifique os pensamentos que te provocam medo e substitua-os por outro que tragam segurança, Confie em quem tenta te ajudar, familiares são um bom exemplo, Se for um caso grave, procure um psicólogo. Os casos graves de medo excessivo são aqueles que não estão de acordo com a sua idade, por exemplo, um adulto ter medo do escuro. Neste caso, só uma ajuda profissional pode ajudá-lo a enfrentar esse medo. A aerofobia é o medo de andar de avião e é classificado como um transtorno pscicológico que pode atingir tanto homens quanto mulheres em qualquer faixa etária. Esse transtorno pode ser vencido com psicoterapia e com o uso de medicamentos para controlar a ansiedade. Muitas vezes o medo de andar de avião está ligado a outros problemas como a agorafobia e a claustrofobia. Uma boa maneira de conseguir ultrapassar este medo é conhecendo todo o plano de vôo, sabendo que haverá turbulência que isto é uma situação normal que representa pouco perigo. Medo de dormir sozinho É comum que as crianças tenham medo de dormir sozinha. Antes do 5 anos de idade elas não conseguem diferenciar o que é sonho e o que é realidade, isso faz com que elas acordem a noite com medo, chorando. Para ajudar seu filho você pode fazer perguntas sobre o medo que sente, ou que tente explicar o que viu no sonho e explique que não há necessidade de ter medo por estar sozinho. Fique com a criança até que ela fique mais calma, tranquilizando-a, lembrando-a que os pais estão sempre por perto. É útil também manter bons hábitos antes de dormir, evitando ver televisão [principalmente com filmes violentos] antes de dormir nem ter muitos brinquedos no quarto. Fobia social A fobia social é diagnosicada quando o indivíduo sente angústia e evita situações que envolvam estar com pessoas, demosntrando um aumento do nível de ansiedade que leva-o a evitar essas situações. Os sintomas de fobia social podem mnifestar-se em ocasiões de lazer, familiar ou mesmo conjugal. As fobias de qualquer ordem, implicam uma ansiedade intensa, não realista e persistente em resposta a situações externas específicas. As pessoas que apresentam uma fobia evitam situações que desencadeiam a sua ansiedade ou as suportam com um grande sofrimento. Um dos tratamentos para a fobia social mais eficientes é a terapia de exposição [frequentar locais novos e prazeirosos], que é um tipo de terapia comportamental, mas em certos casos os medicamentos antidepressivos e os ansiolíticos auxiliam no tratamento. http://www.tuasaude.com/fobia-medo/
Tratamentos Propostos : Celso recomenda escolher entre os compostos fitoterápicos,conforme sua aplicabilidade: >Calma >Anti-excitação >Ansiedade >Antidepressivo Plantas usadas nas formulações acima: Calma: alecrim; artemísia; cevada;alfavaca-miuda hortelã; melisa; poejo;mulungu; passiflora; camomila;; Exitação C: mulungu; lobeira Ansiedade: cana-de-açúcar; lobeira; melissa; mentrasto; passiflora. Anti-depressivo: artemísia; ginkgo biloba; hipérico; hortelã-rasteira; mentrasto; passsiflora [usar mentrasto 60% falta de hiperico].