Herpes labial

Plantas Relacionadas na Literatura : Cajamanga, Erva-cidreira-de-rama (FALSA MELISSA), Erva-lagarto; Guaçatonga; Congonha-de-bugre , Vassourinha, .
Sintomas e Causas : Ver dados das patologias denominadas Herpes, neste site em DOENÇAS.

Tratamentos Fitoterápicos Propostos

Tratamentos Propostos : Segundo Dirceu (dirceu@paz.org.br); tomar fórmula Herpes (composto), ou as plantas: erva-lagarto (guaçatonga), cajamanga-folhas (planta muito eficiente), côco-da-bahia. Deve ser conjugado com o composto Francisco-de-assis (Dirceu). Doses: nas formulações aquosas: No caso de preparados na forma aquosa usar: uma colher de sobremesa, usar 3 vezes ao dia. No caso de usar na forma de cápsulas contendo pó seco e moído da mistura de plantas indicadas ou de uma planta, tomar 1 cápsula, 3 vezes ao dia, 15 minutos antes das refeições,”em estado de fome”, [prática que pode ser usada nas formulações aquosas] ou quando se fizer necessário.Segundo Dr. Degmar, usar as plantas contra herpes : Côco-da-bahia, verde, (Cocos nucifera), parte fibrosa do fruto; Melissa (Melissa officinalis), planta toda ou óleo essencial, Equinácea (Echinacea angustifolia), raiz de dois anos, uso int. cps do pó; Unha-de-gato (Uncaria tormentosa), córtex, uso interno e externo (rica em mitrafilina que é efetivo contra herpes simples; Guaçatonga (Casearia sylvestris), córtex (casca), raiz, folhas, uso int. e ext.; Calêndula (Calendula officinalis), flor, coadjuvante para tratamento tópico par lesões herpéticas; Alho, (Allium sativum), bulbo, coadjuvante de uso interno para tratamento e prevenção das lesões herpéticas.
Segundo Alfonsas Balbachas -1959 – As Plantas Curam: bardana, limão, maravilha, trapoeraba.

 

Dieta recomendada durante o tratamento: cortar margarinas, manteigas, carne vermelha, frituras gerais, refrigerantes (mesmo diet e tipo cola), todo tipo de gordura mesmo chocolates, usar leite desnatado com aveia fina (Oat brean), 2 vezes ao dia. (DIRCEU)

Dieta e Cuidados Recomendados : Dieta recomendada durante o tratamento: cortar margarinas, manteigas, carne vermelha, frituras gerais, refrigerantes (mesmo diet e tipo cola), todo tipo de gordura mesmo chocolates, usar leite desnatado com aveia fina (Oat brean), 2 vezes ao dia. (DIRCEU)Na dieta evitar: nozes, chocolate, gelatina, lentilha, gergelim, avelã, amendoim e castanha, pois são ricos em arginina que aumenta a proliferação viral. Em compensação, algas, queijos, leveduras de cerveja, ricos em lisina, diminuem a proliferação dos vírus. Evitar contato do sol direto na lesão. Compressas quentes, regime frugal.
Dr. Degmar.