Elefantíase (ajuda nos sintomas) ]]}}

Plantas Relacionadas na Literatura : Agrião-aquático SF, Algodão-de-seda SF, Cenoura +SF, Cipó-caboclo, Fumo-bravo +++, Pata-de-vaca ++, .
Sintomas e Causas : Segundo Dirceu: é uma doença dos membros inferiores, causada por um nematóide, transmitido por um inseto, aonde no começo aparecem ínguas nas virilhas, listas vermelhas pela perna, febres e calafrios constantes, urina vermelha urina branca e espaços curtos, e em poucos meses a hipertrofia das pernas (assemelha-se às pernas de um elefante, daí seu nome popular). Informações da literatura citam que esta doença foi confundida durante séculos como uma das formas de lepra, sendo tratada erradamente como tal.
Tratamentos Propostos : Segundo Dirceu: Fazer compressas quentes nas pernas alternadas com cataplasma de argila. Uso interno do composto Dirceu Tio Nunes composto das plantas: babaçu, bardana, espinheira santa. infalível, rosa branca, tuia] , alternado com Bardana, raiz, decocto, cps do pó da planta, e Unguento. No caso de preparados na forma aquosa usar: uma colher de sobremesa, usar 3 vezes ao dia. No caso de usar na forma de cápsulas contendo pó seco e moído da mistura de plantas indicadas ou de uma planta, tomar 1 cápsula, 3 vezes ao dia, 15 minutos antes das refeições,”em estado de fome”, ou quando se fizer necessário. Na forma de extrato etanólico da planta esgotada (extração no Soxhlet), usar 10 gotas, 3 x /dia em médiaSegundo Farmacopéia consultada, as plantas recomendadas são: Fumo-bravo; cipó-caboclo; agrião-aquático; cenoura; algodão-de-seda; pata-de-vaca.

Dieta com alimentação leve.