Tosse nos ataques cardíacos (ajuda nos sintomas-estudos e/ou “lendas” ) e tosses comuns

Plantas Relacionadas na Literatura : Sete-sangrias, .
Sintomas e Causas : Tossir forte “pode salvar vida de cardíacos” 05/09/2003 Tosse forte ajuda no bombeamento de sangue e pode fazer a circulação melhorar pelo corpo e pelo cérebro, sugerem especialistas poloneses.
Especialistas da Fundação Cardiológica de Katowice, na Polônia, realizaram um estudo em que 115 pacientes com alto risco de parada cardíaca foram treinados a tossir quando sentissem fortes dores no peito. Todos os pacientes foram orientados a fazer esse procedimento em 365 ocasiões. Os resultados mostraram que em 292 casos, os sintomas desapareceram e só 73 precisaram de atendimento médico.
Para os pesquisadores do estudo, tossir fortemente aos primeiros sinais de um ataque do coração pode salvar a vida de um paciente. Mas, os especialistas britânicos argumentam que, embora tenha havido evidências de que tossir pode ajudar, não há provas conclusivas que possam fazer dessa recomendação uma medida de primeiros socorros.[ler análise  a seguir neste texto !! ]
BBC Brasil Online IMPORTANTE Procure o seu médico para diagnosticar doenças, indicar tratamentos e receitar remédios. As informações disponíveis no site da Dra. Shirley de Campos possuem apenas caráter educativo.
Publicado por: Dra. Shirley de Campos Ataque cardíaco – tossir funciona!!!! Por Valéria Salgado 02/08/2005 às 15:29
Mensagens através de emails informando sobre como sobreviver ao infarto tossindo com força diversas vezes quando estiver sozinho tem sido intensamente divulgadas. Mas será que funciona? Fiz uma pesquisa e tive uma big surpresa. Os estudos demonstram que ela funciona!!!! Após receber pela milésima vez um email de título “Como sobreviver a um ataque cardíaco quando estiver sozinho” (Ver o email ao final), resolvi finalmente averiguar a veracidade de tal informação. Assim, determinada a matar minha curiosidade, fui pesquisar sobre esse assunto na Internet encontrando várias páginas condenando-a sumariamente, desaconselhando seu uso ou colocando a tosse na reversão do infarto como simplesmente uma lenda. Não satisfeita procurei mais fundo nos sites em inglês e em português e acabei encontrando um artigo de um tal de Instituto de Combate ao Enfarte que mostra a história e as controvérsias que cercam o uso da tosse para reverter o ataque cardíaco. PASMEM, tossir funciona!!! O que pude depreender da leitura do artigo desse Instituto ( http://www.infarctcombat.org/polemica-40/icem.html) é que a medicina não quer nem divulgar sobre a tosse na reanimação cardíaca e nem que os pacientes sejam treinados para eles próprios tentarem sobreviver!! Valéria Salgado A mensagem recebida por email: “COMO SOBREVIVER À UM ATAQUE CARDÍACO QUANDO ESTIVER SOZINHO LEIA COM ATENÇÃO… VOCÊ UM DIA PODE PRECISAR SABER DISTO !!! Digamos que às 4 e meia da tarde, você está indo para casa, sozinho, de carro, depois de um dia bastante pesado no serviço. Não só porque trabalhou bastante, como também porque você teve uma discussão com seu chefe e não houve jeito de fazê-lo entender seu ponto de vista. Você está realmente aborrecido e quanto mais pensa sobre o assunto, mais tenso você fica… De repente, você sente uma dor muito forte no peito, que se irradia pelo braço e sobe até o queixo. Você está a uns 8 quilômetros do hospital mais próximo e não tem certeza se vai conseguir chegar até lá… O que fazer ? Você fez um curso de primeiros socorros, mas não é que o instrutor se esqueceu de explicar o que fazer quando a vítima é você mesmo ???
Como conseguir sobreviver a um ataque cardíaco se estiver sozinho? (É muito freqüente as pessoas passarem por essa situação !). Sem assistência, a pessoa cujo coração pára de funcionar adequadamente e que começa a sentir que vai desmaiar, tem apenas 10 segundos antes de perder a consciência ! O que fazer para sobreviver quando estiver sozinho? RESPOSTA: Essas vítimas podem ajudar a si mesmas tossindo com força repetidas vezes. Inspire antes de tossir, tussa profunda e prolongadamente, como quando está expelindo catarro de dentro do peito
. Repita a seqüência inspirar/tossir a cada dois segundos, até que chegue algum auxílio ou até que o coração volte a funcionar normalmente.
A inspiração profunda leva oxigênio aos pulmões e a tosse contrai o coração e faz com que o sangue circule. A pressão da contração no coração também o ajuda a retomar o ritmo normal. Desse modo, uma vítima de um ataque cardíaco pode fazer uma ligação telefônica e, entre as inspirações, pedir ajuda. Artigo publicado no nº 240 Jounal of General Hospital Rochester Divulgue estas informações a tantas pessoas quanto possível. Você pode estar salvando muitas vidas !”
.
Dieta e Cuidados Recomendados : Tomar suco de limão- cravo

Tratamentos Fitoterápicos Propostos

Tratamentos Propostos para tosse comum :
Segundo Dirceu (dirceu@paz.org.br), tomar a fórmula Tosse (composto) ou as plantas: guaco, cambará (muito eficiente). Doses: nas formulações aquosas:: uma colher de sopa 3 vezes ao dia. Indicação especial: Angico vermelho, entrecasca, decocto, uso interno; uso interno, entrecasca, decocto, tintura, Capitão (ver dados da planta); cuidado para não mascarar sintomas que poderiam dar ao médico indicações preciosas para tratamento efetivo e eficaz em casos agudos e potencialmente sérios.
Indicação muito útil é o uso de infuso da planta ERVA-CIDREIRA-DE-RAMAS (FALSA-MELISSA), específica para este caso. Ver dados da planta neste site.
Teles/Eduino recomendam o uso interno do composto GRIPE-TOSSE-GARGANTA C/E, com as plantas: alho, dentes secos pó; amora, folha; cambará-de-espinho, folha, raiz; capitão, casca; guaco, folha; capim-jaraguá, folha; angico-vermelho, casca.
Segundo Dr. Degmar: as plantas seguintes tem ação predominantemente broncodilatadora: Guaco (Mikania glomerata), folhas, xarope, infuso (rica em cumarina); Lobélia (Lobelia inflata), folhas,D1, int. (cuidado pela alta periculosidade ao “curarisar” o sistema nervoso central; Ipeca (Psycotria ipecauanha), D1, uso int., Acônito (Aconitum napelus), folhas, D1, uso int.; Grindélia (Grindelia robusta), sumidades floridas; Embaúba (Cecropia peltata), folha ou entrecasca; Cordão-de-frade (Leonites nepetaefolia), folhas, tinturas, infuso, xarope; Rubim (Leonurus sibiricus), planta toda, infuso, xarope, tintura.
Plantas com ação anti-séptica brônquica: Alho, óleo, Própolis, extrato; Cebola, bulbo, xarope; Sucupira (várias espécies) (Browdichia spp), óleo tintura, xarope; Cebolinha ( Allium fistulosum), bolbo, infuso para tosse, sibilos, falta de ar. Evitar gelado, corantes, conservantes, doces em geral, laticínios, durante o tratamento. Afaste fatores ambientais de risco, tais como: mofo, poeiras domésticas, areia, bichos de pelúcia, cortinas, tapetes, cochas felpudas, carpetes, etc. Como fluidificador das mucosas pulmonares: segundo literatura, usar: Gengibre, rizoma, xarope, extrato, decocto; Alcaçuz, raiz, tintura; Guaco, folhas, xarope, infuso, rica em cumarina; Pimenta -diversas- (Capsicum spp), rica em capsaicina. Segundo Dr. Degmar: Gengibre (Zingiber officinalis), rizoma, xarope, extratos, decocto; Alcaçuz (europeu) (Glycyrrhiza glabra), raiz, tintura; Guaco (Mikania glomerata), folhas, xarope, infuso (rica em cumarina); Pimenta (várias) (Capsium spp), rica em capsaina. Ver outras recomendações de Tosse neste site.

Tomar suco de limão- cravo constantemente.