Repelente à insetos ; sulgadores, piolhos, gerais g*

Plantas Relacionadas na Literatura : Alfazema europeia, Arruda, Citronela +, Cravo-de-defunto +, Crisântemo +, Erva-de-santa-maria [mastruço] +, Gervão ++, Losna ++, Vitex, .
Sintomas e Causas : São plantas que tem substâncias com ação repelente contra insetos que sugam sangue causando um grande incômodo, principalmente durante o sono, assim como representando um grande risco à saúde humana, por serem possíveis vetores de doenças, muitas vezes perigosas. Estas substâncias ficam no ar, alvezes pouco percebidas pelo homem, mas identificas pelos insetos que fogem dela. O melhor método de uso deve ser avaliado para cada uma individualmente.
Tratamentos Propostos : Segundo Dr Degmar: Arruda (Ruta graveolens), planta toda, uso externo; Erva-de-santa-maria (Chenopodium ambrosioides), planta toda, uso externo; Citronela (Cymbopogon nardus), planta toda, uso externo; Losna (Artemisia absinthum), folhas, infuso, uso externo; Alfazema (Lavandula vera), lavar a cabeça infestada de piolhos com o chá. Para piolhos, usar vinagre de maçã à noite para eliminar as lêndeas, e no dia seguinte lavar e passar pente fino no cabelo.Segundo Rev Inst Top São Paulo, 2004, Set: o óleo de andiroba (a 15%) é uma alternativa botânica de baixa toxidade que apresenta repelência comprovada contra picadas do Aedes sp. Estudos realizados Mehlron et al (2005) mostraram que extratos preparados a partir de sementes de Vitex é eficaz no combate as espécies de carrapatos Ixodes ricinus e Rhipicephalus sanguineus e também excelente repelente à mosquitos. A literatura cita a planta Crisantemo, que produz originariamente compostos derivados do ácido crisantemico que é um piretroide ou seja, substância que abriu uma nova família de defensivos inseticidas de baixa toxidade.