Esclerose múltipla; EM (ajuda nos sintomas) ]]}}}

Plantas Relacionadas na Literatura : Capim jaraguá +, Ginkgo biloba ++, .
Sintomas e Causas : Dirceu: Doença degenerativa dos músculos, evoluindo para atrofia geral e morte. Segundo: Alimentos Saudáveis & Alimentos Perigosos – Reader´s Digest : é uma doença crônica do sistema nervoso central geralmente incapacitante, e atinge com mais freqüência pessoas na faixa de idade: 20 a 40 anos. Caracteriza-se pela destruição gradual da bainha de mielina, que reveste as fibras nervosas, tirando dos nervos a capacidade de transmitir impulsos nervosos. Embora os sintomas variem em função dos pontos em que a mielina tenha sido destruída no cérebro e na medula, a maioria das pessoas sofre de cansaço anormal, visão reduzida, fala ininteligível, perda do equilíbrio e da coordenação muscular, dificuldade para mastigar e engolir, tremores, problemas na bexiga e intestino, e nos casos graves, paralisia. Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre. A esclerose múltipla (EM) ou esclerose disseminada é uma doença neurológica crônica, de causa ainda desconhecida, com maior incidência em mulheres e indivíduos da raça branca. Este tipo de patologia leva a uma destruição da bainha de mielina que recobre e isola as fibras nervosas do sistema nervoso central (estruturas do cérebro). Esta doença causa uma piora do estado geral do paciente, levando-o à fraqueza muscular, rigidez articular, dores articulares e descoordenação motora causando dificuldades para realizar vários movimentos com os braços e pernas, perda do equilíbrio em pé, dificuldade para andar, tremores, e formigamento em partes do corpo. Em alguns casos pode causar insuficiência respiratória, incontinência ou retenção urinária, alterações visuais graves, perda de audição, depressão e impotência sexual. Em estágios mais graves da doença, podemos observar um comprometimento respiratório, levando inclusive a episódios de infecção ou insuficiência respiratória, que devem ser tratados com atenção e rapidez, minimizando o desconforto do paciente e uma provável piora do seu estado geral. Exercícios para desobstruir os brônquios, exercícios para reexpansão pulmonar, reeducação diafragmática e da musculatura acessória, com uso de incentivadores respiratórios, são métodos utilizados para minimizar os desconfortos causados por esta patologia.
Tratamentos Propostos : Sergundo Dirceu (dirceu@paz.org.br), tomar Francisco de Assis (composto Dirceu com as segintes plantas: côco-da-bahia [fibras fruto]; cavalinha [folhas]; túia [folhas, ramos verdes]; rosa-branca [pétalas]; babaçú [folhas]; capim jaraguá [folhas]; espinheira-santa [folhas]; bardana[folhas-raiz]) associado com Ginkgo biloba (folhas) e Jaraguá, infuso, folhas. No caso de preparados na forma aquosa usar: uma colher de sobremesa, usar 3 vezes ao dia. No caso de usar na forma de cápsulas contendo pó seco e moído da mistura de plantas indicadas ou de uma planta, tomar 1 cápsula, 3 vezes ao dia, 15 minutos antes das refeições,”em estado de fome”, ou quando se fizer necessário. Segundo Literatura usar a planta Galinho-do-campo, mas cuidado pois é abortiva.
Dieta e Cuidados Recomendados : Dieta recomendada [Dr. Dirceu Abdalla] durante o tratamento: cortar margarinas, manteigas, carne vermelha, frituras gerais, refrigerantes (mesmo diet e tipo cola), todo tipo de gordura mesmo chocolates, usar leite desnatado com aveia fina (Oat brean), 2 vezes ao dia. Segundo: Alimentos Saudáveis & Alimentos Perigosos – Reader´s Digest : comer bastante: alimentos ricos em fibras para previnir a prisão de ventre; suco de uvas-do-monte para previnir cistite; alimentos em forma de purê para faciliatr digestão. Reduzir o cosnumo de: cafeína[café; chá; chocolate; etc.] para evitar irritação da bexiga

Dieta recomendada [Dr. Dirceu Abdalla] durante o tratamento: cortar margarinas, manteigas, carne vermelha, frituras gerais, refrigerantes (mesmo diet e tipo cola), todo tipo de gordura mesmo chocolates, usar leite desnatado com aveia fina (Oat brean), 2 vezes ao dia. Segundo: Alimentos Saudáveis & Alimentos Perigosos - Reader´s Digest : comer bastante: alimentos ricos em fibras para previnir a prisão de ventre; suco de uvas-do-monte para previnir cistite; alimentos em forma de purê para faciliatr digestão. Reduzir o cosnumo de: cafeína[café; chá; chocolate; etc.] para evitar irritação da bexiga.