Displasia mamária [seios] [doença fibrocística da mama] ]]}}

Plantas Relacionadas na Literatura : Agrião [agrião-de-terra-enxuta], Agrião-bravo SF, Almeirão SF, Azeitona (Oliveira), Boldo-baiano (Aluman), Caferana SF, Cajamanga, Camomila +, Capitou + SF, Carrapicho-rastei.carrapicho-carneiro]+, Casca-danta+, Cáscara-sagrada+ SF, Cebola+SF, Cevada +, Condurango +, Cordão-de-frade +, Cravo-de-defunto +, Damiana +, Espinheira-santa ++, Folha-santa + sf, Groselha preta ++ >>>, Guaraná [guaranazeiro]++, Jatobá +, Losna ++, Mangueira ++, Melancia ++, Paratudo ++, Tília, .
Sintomas e Causas : Segundo Abdalla: provoca digestão lenta, difícil, com sensação de “peso no estômago “. Pode ser provocado por dentes muito estragados, alcoolismo, uso de muito tempero na alimentação. Segundo Alfonsas Balbachas -1959 – As Plantas Curam: são pertubações do tubo digestivo, quer de origem gástrica, quer de origem intestinal, que se manifestam em dificuldade de digerir.
Tratamentos Propostos : Segundo Teles, tomar Digestivo C composto das seguintes plantas: Alcachofra (folhas,flores); Casca-danta (casca); Jurubeba (fruto); Menta (folha,ramo); Rubim (planta toda). No caso de preparados na forma aquosa usar: até 2 anos: 1 gota/kg; de 3 anos à 7 anos: uma colher de café; de 7 até 12 anos: uma colher de chá; mais de 12 anos : uma colher de sobremesa. Em todas as idades, usar 3 vezes ao dia. No caso de usar na forma de cápsulas contendo pó seco e moído da mistura de plantas indicadas ou de uma planta, tomar 1 cápsula, 3 vezes ao dia, 15 minutos antes das refeições, “em estado de fome “, ou quando se fizer necessário.Segundo Dr. Degmar Ferro: as plantas que atuam são: Boldo-do-chile (Peumus boldus), folhas; Bardana (Arctium lappa),planta toda (sendo melhor a raiz); Carqueja (Baccharis trimera) folhas; Camomila romana (Matricaria chamomilla), flor, apenas infuso pela delicadeza do material; Poejo (Mentha pullegium), planta toda, infuso; Hortelã-comum (Mentha crispa), planta toda, infuso; Aluman ou Boldo japonês, (Vernonia condensata), folhas, infuso, tintura; Noz-moscada (Myristica fragans), noz, decocto; Espinheira-santa (Maytenus ilicifolia), folhas, infuso ou cápsulas ; Pariparoba ou capeba (Potomorphe umbellata), folhas, infuso, tinturas; Salvia (Salvia officinalis), folhas, infuso ou macerado em água; Gengibre (Zinziber officinalis), rizoma, decocto; Curcuma ou açafroeira (Curcuma longa), rizoma, decocto, tintura, pó; Zedoária (curcuma Zedoária), rizoma, decocto, caps. do pó; Alcachofra (Cynara scolimus), folhas, infuso, pó, (fortalece o estômago); Tangerina ou mexerica (Citrus reticulata), casca seca (do fruto), decocto (atuando em: flatulência, azias, digestão lenta, gosta amargo na boca, eructações, anorexia, cefaléias digestivas, etc.); Nespeira, ameixa-amarela (Eryobotrya japonica), folhas jovens, infuso; Erva-macaé (Leonurus sibiricus, folhas, infuso. Dieta leve ao jantar; verificar intolerância alimentares individuais; evitar situações de estresse nas refeições, mastigar muito bem os alimentos antes de engoli-los. Verificar situação de verminoses. Segundo Alfonsas Balbachas -1959 – As Plantas Curam: Abútua; alecrim-de-jardim; alfavaca; angélica; angelicó; anis; badiana; bardana, caapeba; cárdamo-aromático; cardamomo; carqueja; casca-de-anta; centáurea-do-brasil; centáurea-menor; coerama; cominho; coração-de-Jesua; cotó-cotó; endro; funcho; guaraná; hera-terrestre; laranjinha-do-mato; limão; louro; manjerona; milirramas, quássia, tejuco; tinguaciba.
Dieta e Cuidados Recomendados : Tomar muito suco de limão. Dr. Abdalla: Dieta recomendada durante o tratamento: cortar margarinas, manteigas, carne vermelha, frituras gerais, refrigerantes (mesmo diet e tipo cola), todo tipo de gordura mesmo chocolates, usar leite desnatado com aveia fina (Oat brean), 2 vezes ao dia. Regime leve, cortando-se as comidas gordurosas e com muito condimento

Dr.Degmar: dieta: evitar todo tipo de cafeina, diminuir o sal e aumentar muito a ingestão de verduras, frutas e legumes. A ingestão de grandes quantidades de fibra é altamente favorável. Produtos animais ricos em estrógenos (pois podem ter sido alimentados com ração que contém pequenas doses de estrógenos que aumentam seu desenvolvimento) devem ser evitados (carne de vaca, aves de granja,porcos, etc.).