Convulsões (Epilepsia ou não) (ajuda nos sintomas)

Plantas Relacionadas na Literatura : Abóbora, Artemísia comum (Isopo santo), Batata, Laranjeira , Maracujá (várias espécies Passiflora spp) , Tiririca, Trigo (de sequeiro), Valeriana, .
Sintomas e Causas : Normalmente são sintomas de epilepsia: convulsões apresentando encolhimento dos dedos das mãos ou dos pés, produção intensa de saliva , com grande “baba”, movimentos rápidos do corpo batendo-se no chão, perda total dos sentidos, secreção espontânea de fezes e urina.

Tratamentos Propostos : Sergundo Dirceu (dirceu@paz.org.br), tomar fórmula Epilepsia (composto Dirceu), com as plantas: Artemísa, Galo-do-campo (Cipó-mil-homens, cuidado com doses altas em mulheres em idade de procriação, com ou sem confirmação de gravidez, pois é considerada abortiva), Taiuiá, ver dados das plantas, mistura dos infusos/decocto, das plantas. No caso de diagnósticos de Histeria tomar o medicamento específico (ver dados da doença). No caso de preparados na forma aquosa usar: até 2 anos: 1 gota/kg; de 3 anos à 7 anos: uma colher de café; de 7 até 12 anos: uma colher de chá; mais de 12 anos: uma colher de sobremesa. Em todas as idades, usar 3 vezes ao dia. No caso de usar na forma de cápsulas contendo pó seco e moído da mistura de plantas indicadas ou de uma planta, tomar 1 cápsula, 3 vezes ao dia, 15 minutos antes das refeições,”em estado de fome”, ou quando se fizer necessário. Segundo Alfonsas Balbachas -1959 – As Plantas Curam: Angélica; angelicó; maracujá-açú (passiflora quadrangularis).

Diminuir alimentos estimulantes, tais como carne vermelha, café, refrigerantes (mesmo diet pois tem cafeína), chocolate, guaraná, etc. e gorduras saturadas. Aumentar consumo de mel, frutas e legumes. Praticar técnicas de relaxamento, yoga, tai chi, meditação, exercícios físicos, etc.

Dieta e Cuidados Recomendados : Diminuir alimentos estimulantes, tais como carne vermelha, café, refrigerantes (mesmo diet pois tem cafeína), chocolate, guaraná, etc. e gorduras saturadas. Aumentar consumo de mel, frutas e legumes. Praticar técnicas de relaxamento, yoga, tai chi, meditação, exercícios físicos, etc.
Dica :

Ver dados na Doença Epilepsia neste site