Japecanga-vermelha-

Nome cientifico: Smilax japecanga

Sinonímia: Japecanga-verdadeira; japicanga-miúda, japuganga; salsa-do-campo

Composição Química:

Contém: glicosídeos e saponinas entre outros.


Dados para Cultivo

Propagação: Uso da repicagem do rizoma como muda

Espaçamento: Planta silvestre sem exploração comercial.

Época de Plantio: Melhor a repicagem do rizoma no inverno quando as mesmas estão em repouso

Época Colheita: retirada das raízes no início do florescimento


Preparo e Conservação

Forma Conservação: secar, moer e guardar em potes com paredes grossas e com umidade da massa inferior a 11% para evitar desenvolvimento de fungos

Forma Preparo: decocção da raiz


Uso Medicinal

Uso Principal:

www.planetamedicinal.hpg.ig.com.br; é um depurativo eficaz. Usado na sífilis, gota, reumatismo, moléstias da pele. Indicado como febrífugo.
PARTE USADA : Raiz, por decocção.
www.plantamed.com.br: acne; afecções cutâneas; dor estômago; eczema; escrófula; herpes; manifestações sifilíticas; reumatismo; úlcera.

Características:

www.planetamedicinal.hpg.ig.com.br; Trepadeira, vegeta às margens dos rios e em lugares úmidos. Raízes em tubérculos. Caule perfeitamente cilíndrico, dotado de alguns espinhos.
Folhas bi-seriadas, nervuras longitudinais são ligadas entre si por nervuras reticuladas. Flores pequenas, em umbelas, nascendo das axilas das folhas ou brácteas.
Os frutos são bagas com sementes arredondadas e achatadas

Foto:

Foto 2:

Foto 3:

Foto 4: