Cereja

Nome cientifico: Prunus cerasus

Sinonímia: Marasca (Prunus caproniana, Prunus marasca), Durone (Prunus duracina), Prunus cerasa

Composição Química:

Contem Vit. A , Vit. B1 (Tiamina), Vit. B2 (Riboflavina), Vit. B5 (Niacina), Vit. C (Ácido ascórbico), potássio, fósforo, cálcio, sódio, ferro, enxofre, magnésio, cloro, silício


Dados para Cultivo

Propagação: sementes e mudas

Espaçamento: sem dados

Época de Plantio: sem dados

Época Colheita: frutos e pedúnculos: primavera-verão; folhas: período vegetativo, casca: ano todo (cultura clima temperado)


Informações Gerais

Valor Alimenticio:

Deve ser consumida principalmente no verão na forma de frutos naturais, mas também na forma de doces e compotas.


Uso Medicinal

Uso Normal:

É depurativa, alcalinizante e remineralizante do sangue. Neutraliza ácidos do organismo, abaixa o ácido úrico, afecções do fígado, nefrite, arterioesclerose, diarréia, disenteria, pertubações intestinais . As cerejas ácidas são adstringentes, mas as doces são laxante leve. O decocto das frutas com caroço (diversas xícaras por dia) para eliminar pedras dos rins e bexiga. Dos caroços extrai-se um azeite que atua nas vias urinárias em geral, bem como em cálculos renais e biliários. A casca do tronco para catarros, tosse, cálculos, melhora funcionamento dos rins, melhora a gota e febres. O infuso das folhas (especialmente a ginjeira), é excelente para tosse e toda sorte de cálculos. O decocto dos pedúnculos, 1 xícara 3 vezes ao dia, para : nefrite, cistite,
bronquites crônicas. Fonte:Lorenzzi
—————————————————–

Características:

Facebook do Portal São Francisco
Cerejas assim como os mirtilos induzem a formação da dopamina que é um excepcional regularizador da atividade cerebral;
Esse elemento neurotransmissor evita eficazmente a morte das células e é um importante energizador.
As cerejas assumem na alimentação um papel destacado na antimicroinflamação celular. Ativam as funções cerebrais em qualquer idade e são antioxidantes poderosos.
Elas, embora com o seu doce de frutas características, possuem uma carga de glicemia baixa. Ou seja, não provocam piques glicêmicos acentuados.
Na verdade as cerejas pertencem a uma grande família – as frutas vermelhas – que atuam eficazmente na redução da gordura armazenada e estimulam o aparecimento de inúmeros fitonutrientes, como as antocianinas.
Cerejas e frutas vermelhas em geral, quando consumidas regularmente, rejuvenescem todas as funções cerebrais, fornecendo mais poder ao cérebro.
Se você está focando em alimentação com upgrades em rejuvenescimento da atividade cerebral, não poderá deixar de considerar as importantes ações das cerejas, frutas vermelhas, mirtilos, brócolis e a maior parte dos multicoloridos.
Fonte: www.dontmakediet.com

Foto:

Foto 2: