Alho-poró

Nome cientifico: Allium porrum L.. Allium fisatulosum

Sinonímia: Poró; leek gardem leek (ingles); poireau (frances), ajo porro, puerro, pulantu [espanhol].

Composição Química:

Mucilagens, sais minerais, vitamina C, celulose, proteínas, açúcares, pectinas.
Botsaris: allicina; allisulfito; vitaminas A, B1, B2, C; ácido palmítico, ácido esteárico, ácido aracnídico, ácido oléico, pectina, protopectina, ácido málico.


Dados para Cultivo

Propagação: sementes (600-800g/ha)

Espaçamento: 40x15 cm ou 40x10 cm (p/indústria)

Época de Plantio: fevereiro a junho

Época Colheita: julho-novembro, 6 meses após plantio, bulbos maduros


Informações Gerais

Contra Indicações:

Não deve ser usada por pessoas que tem problema de estômago e sudorese espontânea.
Não pode ser usado por pessoas com úlceras gastro-duodenal, gastrite, fraqueza estomacal; mulheres em processo de aleitamento pois pode provocar cólicas nos bebes. As sementes podem provocar necessidade de hemodiálise. [www.plantamed.com.br].

Valor Alimenticio:

Usa-se seu bulbo na culinária, para tortas, sopas, etc. Uso semelhante ao alho comum.


Uso Medicinal

Uso Principal:

Botasaris: efeito antibacteriano: contra C. diphteriae; Staphylococcus sp; Strreptococcus sp; efeito diurético; empregado de forma semelhante ao alho: como digestivo, eupéptico, sudorífero, dissolver mucosidades das vias respiratórias, depurativo, anti-tóxico em intoxicações digestivas.

Uso Normal:

Pressão alta, ver alho comum. Diurético : colocar 2 bulbos fatiados em 0,5 l água em fervura por 10 minutos. Tomar aos goles ( coado e frio ), ao longo do dia. Parar às 17 horas. Expectorante, inflamação da laringe e faringe : 1/3 de bulbo fatiado em 1 xícara de chá em fervura. Cozer por 5 minutos. Esfriar, coar, tomar 1/2 xícara em jejum e o resto à noite. Furúnculos, abcessos, picada de abelha: 1 bulbo fatiado finamente, em pouco de água. Levar ao fogo até que tenha forma de pasta, colocar algumas gotas de leite. Aplicar em cataplasma no local afetado por 15 minutos, varias vezes ao dia.

Características:

Herbácea anual, de 50 a 1 m de altura, com caule tipo bulbo alongado, com base entumecida, de onde saem as folhas. Folhas alternas compridas, verdes, evolvendo o caule. Flores róseas, lilases ou brancas, surgindo de uma haste floral. Fruto é uma cápsula triangular com 3 divisões, sendo cada uma com 2 sementes, escuras achatadas, e enrugadas, com odor picante. A reprodução é por sementes, com mudas transferidas para local definitivo, com espaçamento de 40 cm. Colheita 6 meses depois com o bulbo atingindo 3 cm de diâmetro. As sementes devem ser recolhidas quando bem maduras. É de origem européia e asiática.

Foto:

Foto 2: