Serotonina: suas ligações com o humor e bem-estar

Plantas Relacionadas na Literatura : Abacateiro, Bananeira, Canela-de-cheiro  Chá-verde  Lentilha , Nogueira , Trigo (de sequeiro), .
Sintomas e Causas : A serotonina, um dos principais neurotransmissores do sistema nervoso central, desempenha um papel importante no controle das emoções, especialmente a agressividade. Um estudo britânico, recentemente publicado na revista “Science”, nos Estados Unidos, foi um dos primeiros a mostrar uma relação entre o baixo nível de serotonina e o impulso. Os pesquisadores, ao reduzirem o aporte alimentício dos participantes do estudo, diminuíram o nível de serotonina no cérebro. Para realizar a pesquisa, os cientistas recrutaram 20 voluntários saudáveis. Suas dietas foram controladas, sendo que alguns dos participantes ficaram com falta do aminoácido triptofano, enquanto outros o mantiveram níveis normais. O triptofano é o aminoácido que dá origem à serotonina. A partir daí os voluntários foram submetidos a um jogo, no qual deveriam reagir ao comportamento dos companheiros. “Os resultados dos nossos trabalhos fazem pensar que a serotonina desempenha um papel essencial nos processos de decisão em sociedade, controlando, normalmente, as reações agressivas”, destaca Molly Crockett, do Instituto de Neurociências Clínicas da Universidade de Cambridge, co-autor do trabalho. “As variações na alimentação e o estresse provocam variações naturais em nosso nível de serotonina”, acrescenta, destacando “a importância de compreender como isso pode afetar nossas decisões na vida diária”. O trabalho também mostra que as pessoas que sofrem de depressão e ansiedade podem beneficiar-se de terapias que as ajudem a controlar suas emoções, no momento de tomar decisões, especialmente em um contexto social.
SENSIBILIZE-SE COM A SEROTONINA Essa tão famosa substância, denominada serotonina, desempenha diversas funções no organismo, como: liberação de hormônios, regulação do sono, da temperatura corporal, do apetite, do humor, da atividade motora e das funções cognitivas. A sua deficiência tem sido relacionada a doenças graves, como o mal de Parkinson. Com taxas normais de serotonina no organismo, a pessoa atinge a saciedade mais facilmente, conseguindo desta forma controlar a ingestão de açúcares e demais alimentos calóricos.
É o nutriente denominado triptofano que atua na produção da serotonina no organismo. São fontes deste nutriente: alimentos ricos em proteínas, como carne bovina e de peru, peixe, leite e derivados, amendoim, tâmara, banana, etc. Tenha uma alimentação balanceada e rica em todos os grupos alimentares.
Desta forma você estará fornecendo ao seu corpo, o subsídio para a manutenção da sua saúde.
Izaara Alvarenga Nutricionista
Irritabilidade e Descontrole emocional   Várias são as causas que podem provocar irritabilidade e descontrole emocional. Dentro da Bioenergopatia – metodologia terapêutica corretora das disfunções bioenergéticas, o aumento do potencial elétrico nas pessoas pode ocasionar perturbações nas funções dos neurotransmissores presentes no cérebro, mensageiros químicos que favorecem a comunicação entre as células do Sistema Nervoso. Antenas de TV, torres de celular e altos níveis de poluição eletromagnética na atmosfera estão provocando aumento no potencial bioelétrico, o que causa inúmeros males, inclusive confusão nas ligações neuronais e conseqüente baixa de serotonina, substância sedativa e calmante que eleva o humor e produz sensação de bem-estar.
Pessoas sob estresse profundo e desvitalização bioenergética acabam por perder o controle dos impulsos, e a baixa da serotonina cria quebras na formação de outros neurotransmissores controladores do comportamento explosivo. “Quando o problema está na estrutura bioenergética do corpo, os métodos convencionais não conseguem identificar as causas; diante disso, a Bioenergopatia tem sido uma solução eficaz na reversão de disfunções bioelétricas orgânicas”, explica o bioenergopata Geraldo Medeiros Jr., que fundou o Centro de Análises de Energia Vital em São Paulo para avaliar o potencial bioelétrico das pessoas aplicando esse novo método terapêutico. Problemas psiquiátricos tais como depressão, ansiedade, agressividade, comportamento compulsivo, problemas afetivos, dentre outros também têm sido associados ao mal funcionamento da serotonina central. É também conhecida como a substância “mágica” que melhora o humor de um modo geral, principalmente em pessoas com depressão. Os níveis cerebrais de serotonina também são dependentes da ingestão de alimentos fontes do aminoácido triptofano e de carboidratos. Uma alimentação pobre em carboidratos, assim como uma alimentação com excesso de proteínas, por vários dias, pode levar a alterações de humor e depressão. A serotonina talvez seja um dos mais importantes neurotransmissores do cérebro. Seus níveis determinam se a pessoa está deprimida, propensa à violência, irritada, impulsiva ou gulosa. Dicas para melhorar e se acalmar, quando você percebe que está em uma fase onde é fácil perder o controle: 1 – Procure alimentar-se com fontes produtoras de nutrientes importantes que participam da produção dos neurotransmissores: Fontes de Triptofano: leite e iogurte desnatados, queijos brancos e magros, carnes magras, peixes, nozes, banana, arroz, batata, feijão, lentilha, castanhas, abacate, soja e derivados. Fontes de Carboidratos: pães e cereais integrais, biscoitos integrais, massas integrais, arroz integral e selvagem, legumes, frutas e mel. 2 – Faça uma avaliação bioenergética para verificar e controlar os níveis de bioeletricidade em seu organismo, melhorando a comunicação neuronal e facilitando a produção de serotonina. Anote nosso novo telefone: 2478-8200 Centro de Análises de Energia Vital – Telefone: (11) 2478-8200 – E-mail: central@institutomedeiros.com.br Av. Sen. Casimiro da Rocha, 438 – São Paulo – SP .Estudos relacionados a comportamentos apontam altas taxas de feniletilamina no cérebro de um indivíduo que está apaixonado. A alta taxa de feniletilamina estimula a produção de dopamina e norepinefrina (estimulantes cerebrais), substâncias relacionadas também a sensação de bem-estar e enviesamento (que corresponde à perda da capacidade de análise comportamental do companheiro), observada em pessoas cujos efeitos da paixão se manifestam temporariamente. Dopamina e noraepinefrina são substâncias com mecanismos de ação influenciados por anfetaminas. Há uma grande semelhança entre o mecanismo de ação da feniletilamina com a das anfetaminas segundo a literatura científica. Está associada também às sensações da paixão uma alta taxa de serotonina, substância química encontrada em grande número em chocolates e abacaxis. As anfetaminas potencializam o Sistema Nervoso Central e Periférico. Uma alta na produção de acetilcolina (acetilcoenzima A e colina reagem com o auxílio da enzima colina acetiltransferase produzindo acetilcolina e coenzima A) é a responsável pelo estímulo, o que estimula a liberação de 5-hidroxitriptamina (serotonina) pelos hormônios pré-sinápticos e dificulta a sua recaptação, representando assim um grande efeito sobre o humor correspondente a sensação de bem-estar. Outra substância anteriormente citada é promovida com a alta taxa de feniletilamina, a dopamina. A influência da substância estimulante faz com que a L-Fenilalanina, seja convertida ao composto L-Dopa por meio de duas enzimas – dihidrobiopterina e tetrabiopetrina (sendo caminho para o composto Dopa também a tirosina hidroxilase), o qual por sua vez se converte a Dopamina através da enzima Dopa-descarboxilase (suprimida na seguinte ilustração). http://www.dq.fct.unl.pt/cadeiras/qpn1/proj/dopamina/funcionalidades/ltirosina.gif
O clico termina com a recepção de dopamina por receptores adrenérgicos, resultando em grande disposição por parte do indivíduo e contribuindo assim também para o bem-estar; http://www.hu.uel.br/arquivos/sim/sintadr.jpg
Quanto a produção de norepinefrina fica a cargo da dopamina produzida pelo caminho dopaminérgico, sob a ação da enzima Dopamina-β-hidroxilase, se transformar em norepinefrina, justificando assim o estímulo de Feniletilamina na síntese dos dois neurotransmissores.
http://neuromed88.blogspot.com/2008/10/paixo-acetilcolina-serotonina-dopamina.html ………………………………………….

Tratamentos Fitoterápicos Propostos

Tratamentos Propostos :
Teles indica o uso das plantas: grão-de-bico, beldroega; algodão; abacate; nozes; canela; germe de trigo; lentilha; chá-verde; banana. Ver maiores dados no tópico de Doenças denominado: Síndrome da deficiência de cocaína; Serotonina
A literatura cita também os alimentos como fonte de serotonina: mel de abelha; salmão;queijo tipo tofu [japonês].
Sintomas mais frequentes do deficit de serotonina: >dificuldade de concentração: perde-se na vida cotidiana entre o que queria fazer [ou precisava] e o que realmente faz, perguntando-se “o que eu vim fazer aqui?”.[lapsos de memória]. >irritabilidade: fatos que nunca deu atenção agora o irritam ou coisas que nunca tolerou , agora nem liga mais. > diminuição da libido: o sexo era muito importante, agora nem liga mais. >alteração do sono: demora para dormir, acorda diversas vezes; ao acordar quer ficar mais um pouco na cama para terminar o sono…
[Dr. Edmond Saab Jr.]