Câncer: células cancerígenas: inibir crescimento ;

Plantas Relacionadas na Literatura : Alho, Cimicifuga [Erva-de-são-cristóvão , Conta-de-lágrimas +, Saw palmeto [serenoa], Sucuba ba], .
Sintomas e Causas : Teles: em casos reconhecidos, pacientes tem conseguido inibir o crescimento de tumores com o uso de terapias alternativas, associadas ou não ao uso de terapias clássicas (quimioterapia, radioterapia). Existe uma certa correlação destas chamadas “curas espontâneas”, com a determinação e otimismo ligados à utilização das terapias alternativas, fazendo crer a importância do sistema imunológico, ajudado pelas alternativas, no sucesso contra a doença. Maiores informações ver em Cura Quântica do Dr. Deep Chopra.
Tratamentos Propostos : Dirceu: planta com ação muito eficiente: Tuia (Tuya occidentalis). Teles: contudo esta patologia precisa de cuidados médicos para não evoluir danosamente no organismo, não podendo o tratamento fitoterápico mascarar nem adiar a atuação médica (quando usado de maneira indevida e irresponsável); funcionando como um processo coadjuvante, mas muitas vezes muito eficiente. Segundo Dr. Degmar, as plantas seguintes tem ação preventiva sobre tumores (cancerígenos), ou podem ser coadjuvantes em diversos tipos de neoplasia: Fáfia (várias espécies) (Pffafia spp), rizomas, decocto; Ipê-roxo (Tabebuia avellanedae), (pois tem quinona, lapachol), entrecasca, decocto; Taxus brevifolia , pois tem diterpeno taxol, que foi aprovado pelo FDA-EEUU, Aveloz (Euphorbia tirucalli), látex in natura, dose baixa pela sua causticidade, (não usar a planta junto com quimioterapia, Prof. Dr. Accorci- ESLQ-USP); Vinca, pervinca (Catharanthus roseus), alcalóides vinbrastina e vincristina; Unha-de-gato (Uncaria tormentosa), Chá verde (Camellia sinensis), pois tem flavonóides com efeitos preventivos; Túia (Thuya occidentalis), folhas, diluições da tintura; Visco (Viscum album ), planta toda, infuso; Brócolis (Brassica oleracia var. Botrytis cymosa), ação preventiva; Cajuru (Arrabidea chica), folhas, infuso; Batata-infalível (infalível)(Mandevilla velutina), tubérculo, decocto, tintura; Inhame-diversas espécies, (Dioscorea spp); Zedoária (curcuma zedoaria), folhas, rizoma, infuso, decocto, (estudos experimentais sobre câncer do cervix uterino); Vinca (rosa) (Catharantus roseus), que contem vincristina e vimblastina; Espinheira-santa (Maytenus ilicifolia), contendo pristimerina e maitenina, folhas, infuso; Alho (Allium sativum), bulbo, como preventivo; Gravioleira (Annona muricata), folhas, infuso, contendo aceto acetogeninas, potente ação contra tumores em geral, principalmente no cólon; Açafrão (Crocus sativus)(Curcuma longa), rizoma, decocto, câncer de cólon, mama, colo uterino; Giné, pipi, piti, (Petiveria alliacea), folhas, infuso, contendo derivados benzênicos, aplicada na leucemia linfocítica; Bétula (Betula alba), córtex, ácido betulínico, melanoma; Nespeira, ameixa amarela (Eryobotrya japonica), folhas jovens, infuso. Nota autor: para maiores detalhes consultar cada planta isoladamente no cadastro próprio. Segundo Dr. Degmar para ativar o sistema imunológico, devemos, regularizar o sono, relaxamento e meditação, sorrir sempre que possível, ou criar situações para isto.Usar as seguintes plantas: Equinácea (Echinacea angustifolia), raiz, inulina, echinacosídeoos, pó, tintura, extrato, ativação dos linfócitos T, macrófagos, produção de interferon, ativadora do sistema de complementos; Botão-de-ouro (hidraste), (Hydrastes canadensis), berberina, hidrastina, canadina, aumenta a atividade do baço e dos macrófagos, melhora a drenagem linfática; Alcaçuz (Glycyrrhiza glabra), raiz, decocto, [ Teles: in natura, doces e balas], aumenta a produção de inteferon aumentando a atividade antiviral, protege o sistema imune do estresse; Viscum, iscador, mordago (Viscum album), aumenta a atividade do timo; Ginseng coreano (Panax ginseng), raiz, planta de ação adaptógena, protegendo o sistema imune do estresse; Ginseng-siberiano (Eleutheroccocus senticosus), raiz, aumenta a atividade dos macrófagos; Eupatório (Eupatorium perfoliatum), aumenta a produção de interferon; Espécie de ervilha (Astragalus spp); Unha-de-gato (Uncaria tomentosa), Ipê-roxo (Tabebuia avellanedae), entrecasca, decocto; Fáfia (Pffafia spp), raiz, decocto; Côco-da-bahia (Cocos nucifera), fibra branca do fruto, tintura, uso empírico; Calêndula (Calendula officinalis), flor, infuso; Erva-botão (Eclipta alba), planta toda, tem wedelolactona, pó ou tintura; Zedoária (Curcuma zedoaria) e Açafroeira (Curcuma longa), raiz, decocto, pó; Alho (Allium sativum), bulbo, tintura, óleo ou in natura; Clorela (Chlorella pyrenoidosa), reconstituinte; Ligustrum lucidum (sem nome comum conhecido); Amorfa, baptísia (Baptisia australis), Eupatorium spp (sem nome comum conhecido); Fáfia (Pffafia paniculata (raiz, decocto. >>>>>Graviola apareceu no programa do INC – Instituto Nacional do Câncer nos Estados Unidos, em 1976. As pesquisas provam que partes e sementes da planta da espécie apresentam ação contra substâncias citotóxicas presentes em células cancerígenas. Ação anti-tumorigênica poderosa e propriedade praguicida foi descoberta em suas folhas, talo e ramos. Três diferentes laboratórios estudaram sua ação e demonstraram ser um excelente inibidor do Complexo I, no carregador de elétron do organismo, inclusive nos tumores. Outro estudo demonstrou que apresentar efeito citotóxico em adenocarcinoma (colo), efeito maior que o das drogas de quimioterapia. Fonte: www.globalroberg.com/graviolaEng.htm. Segundo os Drs Murray, Birdsall, Pizzono, Reilly, (Centro de Tratamento de Câncer dos EEUU), existem oito produtos naturais chaves para combate ao câncer: 1- Enzimas proteolíticas; 2- Curcumina (Curcuma longa);3- Quercetina; 4-Maitake fração D ou MD; 5-Poliegra; Pectina cítrica modificada; Ip6 (Hexafosfato de inositol) “Como prevenir e tratar o câncer com medicina natural”. A Literatura Fitoterápica cita a planta: Fáfia (Pfaffia glomerata e Pfaffia paniculata), como capazes de inibir o crescimento de células cancerígenas.
Dieta e Cuidados Recomendados : Segundo: Alimentos Saudáveis & Alimentos Perigosos – Reader´s Digest, Os dados associam as dietas ricas em frutas e vegetais a um risco reduzido de muitos tipos fatais de câncer. Estes alimentos são ricos em BIOFLAVONÓIDES e outras substâncias químicas vegetais, fibras e nutrientes ANTIOXIDANTES como o beta-caroteno, as vitaminas A, C, E, e o selênio. Todas estas substâncias podem retardar, evitar ou reverter o processo que leva ao câncer. Elas o fazem através de vários mecanismos de proteção: pela neutralização ou pela desintoxicação de agentes causadores do câncer (carcinógenos); evitando alterações pré-cancerosas no material genético celular devido aos carcinógenos, radiação e outros fatores ambientais e reduzindo a ação hormonal que pode estimular o crescimento de tumores. Igualmente importante é a redução na ingestão de gorduras. Dr. Degmar: Evitar excesso de todo tipo: gordura, açúcar, conservantes e corantes. Ingerir grande quantidade de líquidos ao dia. Sucos vegetais diários; Cogumelo do imperador (Ganoderma lucidum), pó ou extrato; Cogumelo-do-sol (Agaricus blazeii), decocção, dose de 10 a 20 gr/dia por 7 dias, e manutenção de 20 gr/semana. Usar própulis

Segundo: Alimentos Saudáveis & Alimentos Perigosos - Reader´s Digest, Os dados associam as dietas ricas em frutas e vegetais a um risco reduzido de muitos tipos fatais de câncer. Estes alimentos são ricos em BIOFLAVONÓIDES e outras substâncias químicas vegetais, fibras e nutrientes ANTIOXIDANTES como o beta-caroteno, as vitaminas A, C, E, e o selênio. Todas estas substâncias podem retardar, evitar ou reverter o processo que leva ao câncer. Elas o fazem através de vários mecanismos de proteção: pela neutralização ou pela desintoxicação de agentes causadores do câncer (carcinógenos); evitando alterações pré-cancerosas no material genético celular devido aos carcinógenos, radiação e outros fatores ambientais e reduzindo a ação hormonal que pode estimular o crescimento de tumores. Igualmente importante é a redução na ingestão de gorduras. Dr. Degmar: Evitar excesso de todo tipo: gordura, açúcar, conservantes e corantes. Ingerir grande quantidade de líquidos ao dia. Sucos vegetais diários; Cogumelo do imperador (Ganoderma lucidum), pó ou extrato; Cogumelo-do-sol (Agaricus blazeii), decocção, dose de 10 a 20 gr/dia por 7 dias, e manutenção de 20 gr/semana. Usar própulis.