Arteroesclerose [cerebral]; ateroesclerose; ]]}}

Plantas Relacionadas na Literatura : Açafrão; açafroeira, Alcachofra, Alho, Arnica-verdadeira, Bardana; orelha de gigante, Boldo-baiano (Aluman), Cebola+SF, Chá-verde + SF, Crataegus [Espinheiro-alvar] +, Limão [diversas variedades] ++, Salsaparrilha, Sete-sangrias, .
Sintomas e Causas : Segundo A. Balbach, é o endurecimento da túnicas das artérias, que perdem seus caracteres de elasticidade normais, tornando-as menos adequadas à função de conduzir o sangue, e, consequentemente, de nutrir as células do corpo. Pode-se localizar no cérebro, nos pulmões, no intestino. Tem como causas: hipertensão arterial prolongada, solicitações funcionais exageradas, com maior irrigação de certos setores do organismo, variações tencionais bruscas e freqüentes, de origem nervosa, da dependência das emoções, uso de tóxicos (principalmente álcool e fumo), excessos alimentares (principalmente alimentos ricos em colesterol), pertubações metabólicas (de modo particular a diabete não controlada). Segundo Dirceu: trata-se do endurecimento das paredes internas das artérias provocando o engrossamento das mesmas, diminuindo sua luz, podendo provocar enfartes, derrames, anginas, tromboses. Uma das conseqüências é a arterioesclerose, sendo o depósito de gordura nas paredes das artérias, que trazem conseqüências sérias ao organismo. Podem provocar, dores de cabeça noturna, diarréia sem causa aparente, esfriamento das extremidades do corpo, memória fraca, vertigens, cansaço sem causa aparente, etc.
Aterosclerose Anteriormente considerada como doença degenerativa […”velho caduco”]ou relacionada ao envelhecimento, a aterosclerose veio a se caracterizar nas últimas duas décadas, e a partir de pesquisas realizadas nos mais diversos campos da medicina básica e clínica, como sendo causada por um processo inflamatório das artérias (aterosclerose coronariana). Diversos fatores contribuem para sua gênese. Dentre eles estão o estresse mecânico ao endotélio vascular causado pela hipertensão arterial, o estresse oxidativo levando a geração de lipoproteínas oxidadas com elevado potencial aterogênico, um possível e ainda inexplicado estado inflamatório crônico e a participação de microrganismos como a Chlamydophila pneumoniae, bactéria encontrada diversas vezes no interior de placas de ateroma das artérias. Tratamento: Existem drogas ou medicamentos capazes de interferir no processo reacional de defesa do organismo de modo a minimizar o dano (agressão por parte dos próprios tecidos frente ao agente agressor) e dar maior conforto ao paciente. Estes medicamentos são denominados antinflamatórios, podendo estes ser de natureza hormonal ou não hormonal [wikipedia]
Tratamentos Propostos : Dirceu: indicação especial: uso interno: Congonha-de-bugre (Guaçatonga); Sete-sangrias, planta toda, infuso, decocto. Uso interno, composto Dirceu: Ateroesclerose cerebral (Arterioesclerose)[com as plantas: bardana, buriti, capim-navalha, congonha-de-bugre, fáfia glomerata, falsa-melissa, sete-sangrias]. No caso de preparados na forma aquosa usar: uma colher de sobremesa, usar 3 vezes ao dia. No caso de usar na forma de cápsulas contendo pó seco e moído da mistura de plantas indicadas ou de uma planta, tomar 1 cápsula, 3 vezes ao dia, 15 minutos antes das refeições,”em estado de fome”, ou quando se fizer necessário.Segundo Dr. Degmar: plantas indicadas> Alho (Allium sativum), bulbo, tintura ou cru nas refeições; Alcachofra (Cynara scolymus), folhas, cps de pó; Cebola (Allium cepa), bulbo, comer cru nas refeições, Salsaparrilha (Smilax spp), raiz, tintura, decocto; Bardana (Arctium lappa), planta toda, tintura ou infuso das folhas; Sete-sangrias (Cuphea spp), planta toda, tintura, chá; Limão (Citrus limonum), fruto, ingerir diariamente em quantidade limite de provocar irritação gástrica; Oliveira (Olea europea), fruto na forma de azeite.
Dieta e Cuidados Recomendados : Dr Degmar: dieta com muito vegetal e pouco animal (leite, ovos, carne). Dieta recomendada para pessoas com hipertensão arterial, colesterol e triglicérides altos, praticando-a com rigor. Tomar sérias medidas anti-estresse. Segundo Alfonsas Balbachas, 1959: fumária, limão, sete-sangrias.Dieta recomendada: cortar margarinas, manteigas, carne vermelha, frituras gerais, refrigerantes (mesmo diet e tipo cola), todo tipo de gordura mesmo chocolates, usar leite desnatado com aveia fina (Oat brean), 2 vezes ao dia.

Dr Degmar: dieta com muito vegetal e pouco animal (leite, ovos, carne). Dieta recomendada para pessoas com hipertensão arterial, colesterol e triglicérides altos, praticando-a com rigor. Tomar sérias medidas anti-estresse. Segundo Alfonsas Balbachas, 1959: fumária, limão, sete-sangrias.